Programação

Data Título da Atividade Hora – Início Ementa
27/04/2018 (Sexta-Feira) Apresentação cultural

 

08:40  
Solenidade de abertura

 

09:00  
Homenagem à Cecília Maria Bouças Coimbra

 

09:30  
Intervalo

 

10:30  
Conferência de Abertura

 

11:00  
Mesa1: A guerra contra e entre os pobres 14:00 A mesa de debate “A guerra contra e entre os pobres” objetiva debater a segurança pública no sentido amplo, abrangendo a temática das drogas, encarceramento, desmilitarização das polícias e extermínio da juventude negra. Pretende-se abordar as temáticas na interface com a Psicologia e os Direitos Humanos, ao analisar os impactos subjetivos das violações de direitos na vivência da pobreza e violência.

 

Mesa 2: Corpos em disputa: uma discussão interseccional das diferenças 16:00 A presente mesa de debate possui como propósito discutir a produção histórica de violação de direitos de Mulheres, LGBTs e Negros(as), considerando a intersecção entre gênero, raça e etnia, classe social e sexualidades. Objetiva também, debater a complexidade que envolve o campo de disputa de narrativas sobre os corpos, os processos de (des)identificação com estas em diferentes movimentos sociais e espaços de militâncias feministas, LGBTs e movimentos negros, bem como a relação destas temáticas com a Psicologia e Direitos Humanos.

 

Apresentação Cultural

 

17:30  
28/04/2018 (Sábado) Mesa 3: Cidades e Campos Possíveis: Territórios em disputa 09:00 A presente mesa de debate possui como proposta de discussão um olhar sobre as questões subjetivas e as estratégias de enfrentamento das violações dos direitos humanos relacionadas com as cidades, campos e outros territórios, considerando os processos de especulação imobiliária, violência, genocídio e gentrificação.

 

Mesa 4: Desafios da comunicação e da democracia diante da manipulação e da cultura de ódio nas ruas e redes 14:00 A finalidade desta mesa recaí sobre a discussão do papel da mídia e a luta incessante para civilizá- la, sem perder de vista as reformas, as organizações alternativas e sua importância na democratização da Comunicação. Objetiva também colocar em debate a forma e o conteúdo da produção cultural dos meios de comunicação, os impactos na construção da subjetividade e o desprezo da condição do ser humano.

 

Acompanhe-nos nas redes sociais Botões de redes sociais Facebook Twitter Youtube Instagram Realização Logotipo do Conselho Federal de Psicologia